CAMPANHA ANTIRRÁBICA EM OURO PRETO 2018

Vacine seu melhor amigo contra a raiva e exerça a guarda responsável.

Você já ouviu falar que agosto é o “mês do cachorro louco”? Provavelmente sim, mas você sabe o que significa essa expressão? Existem diversas teorias, mas segundo alguns médicos veterinários, no mês de agosto a concentração de cadelas no cio aumenta e quando as cadelas estão no período fértil, os cachorros disputam a mesma fêmea e muitas vezes essa conquista pode acabar em briga, fazendo com que, a raiva se espalhe mais facilmente entre os cães. Por isso, neste artigo vamos explicar a importância da vacina contra a raiva para seu pet.

A raiva é uma doença causada por um vírus e uma das formas de transmissão é pela saliva, quando um animal contaminado morde e fere o outro, pode transmitir o vírus, contribuindo para que a doença se prolifere rapidamente. Animais infectados apresentam sinais neurológicos, babam muito e ficam com aparência de “loucos”, daí a expressão “cachorro louco”.

Por isso, as campanhas de vacinação contra a raiva são promovidas principalmente neste mês gratuitamente pelas prefeituras da maioria das cidades do Brasil, entretanto o cuidado e vacinação devem ser regulares em qualquer época do ano.

Cães e gatos, a partir dos 3 / 4 meses de idade, de acordo com o protocolo indicado pelo seu médico veterinário, devem ser vacinados em dose única e a partir daí, deve ser repetida anualmente.

A Raiva:

A raiva é uma doença causada por um vírus que afeta a maioria dos mamíferos, é um mal que apesar de estar controlado, ainda preocupa muito, pois a doença é considerada incurável e a taxa de mortalidade é de quase 100%.

Como mencionado, os sinais clínicos mais comuns da raiva são: grande mudança no comportamento, aumento da agressividade atacando animais e pessoas, salivação intensa e o animal deixa de se alimentar e beber água. No estágio final da doença ocorrem convulsões e paralisias.

A Importância da Vacina Contra a Raiva:

A transmissão da raiva acontece de um animal contaminado para outros principalmente, através de mordida, arranhões ou contato de secreções ou excrementos.

A vacina antirrábica é ainda, a única forma de prevenção contra a doença.

A importância da vacina contra a raiva se dá pelo fácil risco de contágio, principalmente para animais que vivem em áreas com muitos animais silvestres ou aqueles que viajam muito para áreas de risco como sítios e fazendas, ou qualquer outra situação que possa deixar o animal vulnerável.

Além disso, a raiva é uma zoonose, ou seja, pode ser transmitida de animais para humanos. A raiva humana também é bastante agressiva e em quase 100% dos casos ela pode ser fatal. Manter o pet vacinado é uma questão de segurança para ele e para todos que convivem com ele.

Campanha de vacinação

Fique atento às datas e locais das campanhas para vacinação antirrábica de seus cães e gatos (também existe a raiva felina, que é muito semelhante a da canina) que a sua cidade promove. As campanhas de vacinação contra a raiva que acontecem anualmente em todo Brasil têm sido fundamentais para o controle da doença há mais de 30 anos.

Fonte: www.dotpet.com.br

Entendeu a importância da vacina contra a raiva? Não se esqueça de levar seu amiguinho para a vacinação, não só da raiva como também de outras doenças e o mantenha sempre feliz e saudável. A campanha em nossa cidade começa no próximo dia 27/08.

Realização e informações: Secretaria Municipal de Saúde de Ouro Preto – (31)3559-3280 / (31)3559-3294

Quem ama, vacina.

#AOPA
#OuroPreto
#ResponsabilidadeSocial
#VacineSeuAmigo
#TodosContraARaiva

   

 

 

 

About the author: AOPA - Associação Ouropretana de Proteção Animal

Organização Não Governamental (ONG), sem fins lucrativos. Nós da Associação Ouropretana de Proteção Animal (AOPA) realizamos um trabalho de sensibilização junto à população e às autoridades no sentido de assegurar o bem estar-animal, promovendo a adoção responsável, castração como meio de prevenção contra a superpopulação de animais domésticos evitando posterior abandono. Além de lutar por mudanças nas leis para punir quem maltrata, acumula ou os desampara à própria sorte. A nossa missão é atacar a causa de tantos maus-tratos animais. Incentivando somente o exercício da guarda responsável, doações responsáveis, encaminhando denúncias de maus-tratos, esterilizando os animais de rua e domésticos para que a longo prazo o problema seja amenizado, pelo menos. Muito está sendo feito, mas é um trabalho lento, carente de recursos e muito incompreendido. ONG afiliada ao Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal (FNPDA) desde julho de 2015. Registrada no CNPJ sob o número 23.099.642/0001-95.

Leave a Reply

Your email address will not be published.