Castramóvel para Ouro Preto

É com enorme satisfação que comunicamos que nossa cidade será beneficiada com a compra de um castramóvel, via emenda parlamentar do dep. Federal e ministro do turismo, Marcelo Álvaro Antônio, que, por intermédio exclusivo de nossa parceira, a ativista Val Consolação, recebeu nossa indicação e projeto em Saúde Única.

Agradecemos o apoio e manifestação do representante do partido do dep. Marcelo Álvaro Antônio em Ouro Preto, Gleiser Boroni e da apoiadora da causa animal em Minas Gerais, Janaína Cardoso.

A emenda é de R$ 250.000,00 e incialmente seria para outro projeto em manejo populacional de cães e gatos que a AOPA apresentou, mas com a situação que vive o município ouro-pretano, optamos pelo segundo projeto com atividades no castramóvel, o qual, em nome da sustentabilidade e boa fé no trabalho da Prefeitura Municipal de Ouro Preto, esperamos poder ser executado.

Nossos agradecimentos especiais vão para a ativista e parceira que tanto faz pela proteção animal mineira e sempre nos apoia, Val Consolação.

Nos conhecemos em 2015, em Mariana, quando coordenávamos o abrigo temporário da Samarco feito para os animais atingidos pelo rompimento da barragem no antigo distrito de Bento Rodrigues.

Foi uma das grandes amizades e parceria que tiramos em meio a tanta lama e oportunismo.

A proteção animal sempre ganha com a união de pessoas que lutam pelo mesmo objetivo, com respeito e dedicação.

Conte sempre conosco, querida Val. 💛🖤

About the author: AOPA - Associação Ouropretana de Proteção Animal

Organização Não Governamental (ONG), sem fins lucrativos. Nós da Associação Ouropretana de Proteção Animal (AOPA) realizamos um trabalho de sensibilização junto à população e às autoridades no sentido de assegurar o bem estar-animal, promovendo a adoção responsável, castração como meio de prevenção contra a superpopulação de animais domésticos evitando posterior abandono. Além de lutar por mudanças nas leis para punir quem maltrata, acumula ou os desampara à própria sorte. A nossa missão é atacar a causa de tantos maus-tratos animais. Incentivando somente o exercício da guarda responsável, doações responsáveis, encaminhando denúncias de maus-tratos, esterilizando os animais de rua e domésticos para que a longo prazo o problema seja amenizado, pelo menos. Muito está sendo feito, mas é um trabalho lento, carente de recursos e muito incompreendido. ONG afiliada ao Fórum Nacional de Proteção e Defesa Animal (FNPDA) desde julho de 2015. Registrada no CNPJ sob o número 23.099.642/0001-95.

Leave a Reply

Your email address will not be published.